Labeo Bicolor Albino 3-4 cm (Epalzeorhynchos bicolor)

R$ 9,00
Sem imposto
Esgotado

Não sei o CEP
  • Política de segurança (editar com o módulo Garantia do cliente) Política de segurança (editar com o módulo Garantia do cliente)
  • Política de entrega (editar com o módulo Garantia do cliente) Política de entrega (editar com o módulo Garantia do cliente)
  • Política de devolução (editar com o módulo Garantia do cliente) Política de devolução (editar com o módulo Garantia do cliente)

Ficha de dados

Ficha técnica

Descrição
Embalagem plástica com 01 peixe
Produto novo

Mais informações

labeo bicolor albino
é uma mutação recessiva não muito comum no hobby e é realmente um desafio sexar labeos desse tipo. Pois sendo albinos tanto machos como fêmeas costumam ficar mais entocados devido a claridade. O melhor jeito de sexar labeos desse tipo é pela cor da cauda. O macho possui uma cauda vermelha brilhante, e a fêmea beira o laranja. O volume do corpo também é uma boa dica. Fêmeas costumam mais volumosas que os machos, e o comportamento também é um ótimo indicador. Machos costumam perseguir e mordiscar peixes que cheguem perto de sua toca, ou que sejam, ou pareçam labeos da mesma ou de outras espécies (porém tanto machos como fêmeas costumam ser agressivos com labeos da mesma ou de outras espécies. Desde que o tanque seja grande o suficiente e cada labeo tenha sua toca tudo deve correr bem. No entanto, dois machos da mesma espécie irão se agredir até o estabelecimento de uma hierarquia, quando as brigas, geralmente, diminuem. Essas brigas decorrem, principalmente, de disputas por fêmeas ou um território; ou, ainda, se o tanque for muito pequeno. Caso o tanque possua as dimensões adequadas - 300 a 350 litros - e se os labeos forem introduzidos juntos, ainda pequenos, a chance de se aceitarem são bem maiores).

Produtos Relacionados